sexta-feira, abril 28, 2006

Workshop de Tradução de Medicina

26/27 de Maio de 2006

características e terminologias – problemas e soluções de tradução

Línguas de trabalho: Inglês / Português

Local: British Council de Lisboa

Convidado: Dr. Rui Pombal
Médico (Medicina Geral e Familiar e Medicina Aeronáutica e das Viagens)
Consultor em Farmacovigilância para o Instituto Nacional da Farmácia e do Medicamento

Tradutor e intérprete (português <-> inglês) - Medicina e Ciências da Saúde



Data limite para inscrições: 22 de Maio de 2006 (o número de inscrições é limitado)

Valor da inscrição: 50,00 €
Estudantes: 45,00 € (por favor enviar cópia de cartão de estudante)
Alunos e ex-alunos do British Council: 40,00 € (por favor enviar comprovativo)


Para mais informações contactar:

Lina Gameiro Lopes

Telefone: 96 808 52 61

Fax: 249 826 563

e-mail: geral@tradulinguas.com


quinta-feira, abril 27, 2006

Notícia: MEPs to approve EU language passport

MEPs to approve EU language passport

in Euobserver.com

26.04.2006 - 18:05 CET By Helena Spongenberg

"EUOBSERVER / BRUSSELS - The European Parliament is on Thursday (27 April) set to approve European Commission proposals for an EU-wide indicator of language skillsThe commission last year proposed a Europe-wide indicator of language skills to make it easier for employees or teachers in one country to measure the language level of a worker or student from another country. If agreed by MEPs and member states, the new indicator will initially focus on the five most widely taught languages in the union: English, French, German, Spanish and Italian. More EU languages might be added at a later stage."The indicator is just a technical support to give you a certificate with your language skills," conservative Greek MEP Mr Mavrommatis said. "It's like a passport."Knowing languages "is a ticket for people who want to travel or find a job outside their own country," he added.Mr Mavrommatis has also written a separate non-legislative report on measures to promote multilingualism and language learning in the European Union.The study argues that knowing a number of foreign languages encourages people to be more open towards other cultures.European leaders decided in 2002 to promote the learning, from an early age, of at least two foreign languages besides the mother tongue. The push is an attempt to boost the European employment market by making it easier for people to move to another country for work.Each year the EU institutions spend over €800 million on translating documents into all the 20 official languages of the 25-member bloc. Next year that might increase to 23 official languages when Irish becomes an official EU language on 1 January 2007 and if Bulgaria and Romania join the club. "

Tradutor Português-Espanhol URGENTE

Procura-se urgentemente aluno/licenciado para traduzir um trabalho de 10 páginas de Português para Espanhol, num curto espaço de tempo.

Não é um texto técnico. O trabalho tem que estar efectuado até Domingo (dia 30 de Abril) às 22 horas.

Preço é proposto pela pessoa que fará a tradução.

Contactar, se possível ainda hoje :
Tiago Brandão
tcrbb@iol.pt
21 758 04 43 (a partir das 18h30)

quarta-feira, abril 26, 2006

Bolsa de Tradutores

Precisa-se de tradutores "free-lancer" de diversos idiomas.

Os interessados deverão consultar o site do ACIME, em www.acime.gov.pt e remeter a sua candidatura até dia 2 de Maio de 2006.

Colóquio Internacional sobre Estudos de Tradução: Novas Coordenadas

"O leitorado do Instituto Camões e o Departamento de Português da Universidade de Utrecht vão realizar nos próximos dias 1, 2 e 3 de Junho de 2006 o Colóquio Internacional sobre Estudos de Tradução: Novas Coordenadas e a 3a. Jornada Sobre o Ensino e a Investigação do Português Língua Estrangeira na Flandres e nos Países Baixos.

O Colóquio decorrerá nos dias 1 e 2 de Junho e será dedicado à actividade de tradução. Para o efeito, pretende-se abordar questões relativas à teoria da tradução, analisando conceitos e pressupostos teóricos. O domínio da prática da tradução será também central a este colóquio, referindo a tradução literária e a tradução não literária (jurídica, económica). O uso da tradução como mecanismo de transposição ou transformação da literatura para outras linguagens artísticas será também uma questão a abordar. Finalmente, e a fim de criar um espaço de discussão que reúna todos os agentes envolvidos nas várias etapas em que se desenrola a tradução, haverá também lugar para uma análise em torno de alguns projectos de publicação. Em suma, é nosso intuito consubstanciar uma visão ampla do processo de tradução, desde o momento fundamental da edificação de pressupostos teóricos, até à sua materialização como suporte material de um produto cultural. Português e Inglês serão as línguas de comunicação do Colóquio.

A Terceira Jornada Sobre o Ensino e Investigação do Português Língua Estrangeira na Flandres e nos Países Baixos terá lugar no dia 3 de Junho. Criadas no âmbito do leitorado de Gent, Bélgica, estas Jornadas visaram, ab initio, promover um diálogo e partilha de experiências, acerca do ensino e investigação do português, entre países tão distintos e, simultaneamente, próximos. Para a 3ª Jornada Sobre o Ensino e a Investigação do Português – Língua Estrangeira na Flandres e nos Países Baixos, definiu-se o ensino da tradução como área de análise e discussão. Os critérios que presidiram à selecção desta temática estruturadora prenderam-se, fundamentalmente, com a necessidade sentida de avaliar o percurso que se tem realizado neste campo. Com efeito, o ensino da tradução afigura-se, presentemente, como uma área indiscutivelmente importante no âmbito dos estudos portugueses. Torna-se, portanto, imperioso definir, conjuntamente, o contributo da tradução para o crescimento dos estudos portugueses, não só na Flandres e nos Países Baixos, mas também noutros países; o percurso desenvolvido, até aqui, na tradução da língua portuguesa, como língua de partida e chegada; as dificuldades que se colocam nesta actividade; as especificidades inerentes ao ensino da tradução literária, por oposição à tradução para fins específicos. A língua de comunicação da 3a. Jornada será o Português.

Dado o reconhecido valor do seu trabalho nesta área, gostaríamos de contar com a sua presença e participação neste Colóquio e/ou na Terceira Jornada. Agradecíamos que nos fizesse chegar a sua confirmação até 1 de Fevereiro de 2006. Em caso afirmativo, solicitávamos-lhe o envio do título e de um pequeno resumo da sua comunicação. As comunicações terão a duração máxima de vinte minutos. Será posteriormente feita uma selecção das mesmas tendo em vista a sua publicação, em actas, onde poderão surgir numa versão mais extensa."

Vera Fonseca e Marian Schoenmakers.

Organizadoras:
Vera Fonseca – ‘leitora’- Departamento de Português
Universidade de Utrecht – Utrecht/Países Baixos
Correio electrónico: Vera.Fonseca@let.uu.nl

Marian Schoenmakers – Departamento de Português
Universidade de Utrecht – Utrecht/Países Baixos
Correio electrónico: Marian.Schoenmakers@let.uu.nl

Prazos:
Entrega de resumos: 1 de Fevereiro de 2006
Notificação de resumos aceites: 1 de Março de 2006
Inscrição prévia: 15 de Abril de 2006
Programas do Colóquio e da 3a. Jornada: 8 de Maio de 2006

Línguas de trabalho:
Portuguesa e Inglesa para o Colóquio
Portuguesa para a 3a. Jornada

Envio de resumos:
Os resumos são para apresentações de 20 minutos, deverão ter um máximo de 300 palavras (excluindo as referências bibliográficas), e devem ser enviados para:
Marian.Schoenmakers@let.uu.nl e
Vera.Fonseca@let.uu.nl.
Indique por favor "Apresentação para o Colóquio" ou "Apresentação para a Jornada" no assunto da mensagem.

Está em construção uma página WEB, incluindo formulários de inscrição, informação sobre alojamento e os programas do Colóquio e da 3a. Jornada.

segunda-feira, abril 24, 2006

Formação para Tradutores: Finanças, Contabilidade, Economia

Formação para Tradutores:

Contabilidade:
12 de Maio: 14h- 20h
13 de Maio:09h- 13h e das 14h ás 16h

Economia:
24 de Maio: 09h-13h00 e das 14h-18h
25 de Maio: 09h às 13h

Finanças:
2 de Junho: 14h- 20h
3 de Junho: 09h- 13h e das 14h ás 16h

Formadoras:
Drª. Marta Costa Drª. Susana Peixoto

Local: Hotel Ollisipo-Marquês de Sá (Lisboa)

Inscrição:

Estudantes
1 Formação:90 euros
2 Formações:162 euros
3 Formações:216 euros

Não Estudantes
1 Formação:125 euros
2 Formações:225 euros
3 Formações:300 euros

Para mais informações contactar:

patricia.maia@linkforma.pt

Curso de Tradução e Interpretação em Lingua Gestual Portuguesa

Escola Superior de Educação de Setúbal

Inscrições para a realização dos pré-requisitos:

1ª Chamada - de 7 a 24 de Março
2ª Chamada - de 12 a 23 de Junho

Pagamento 48 euros de acordo com a tabela de emolumentos praticada no IPS: Despacho nº 22834/2005 (2ª série), DR nº 212, de 4/11/05.

» Datas de Realização:

1ª Chamada - 11 de Maio às 15:30h e 12 de Maio às 10:00h
2ª Chamada - 20 e 21 de Julho às 10:30h

Para mais informações: http://www.ese.ips.pt/ese/cursos/prereqlgp.html

sábado, abril 22, 2006

Tradutores de Alemão - Português

Empresa de traduções procura (m/f)
Tradutores técnicos de alemão para português, com
disponibilidade para trabalhar nos escritórios de
Lisboa.
Email: admin@tetraepik.com

Tradutores Técnicos Português-Inglês-Português

A VIP tradutores técnicos de inglês/português com
disponibilidade para trabalhar em Queluz, e
Português/Inglês (só de nacionalidade), tradutor
externo.
Resposta ao nº 847 D/06 do jornal EXPRESSO, Av.
Sidónio Pais, nº4-A 1066-500 Lisboa

sexta-feira, abril 21, 2006

Estágio Renumerado - Urgente

MATUDIS - Temos para oferecer um estágio profissional (com bolsa de estágio) na área de Vendas de Comércio Organizado, com a duração de 3 a 6 meses (full-time ou part-time), devendo o mesmo ter início no mês de Maio. O Estágio consiste na tradução de Inglês para Português de material de formação na área de Vendas de Comércio Organizado.
O local de trabalho serão os nossos escritórios em Linda-a-Velha.

O perfil requerido é o seguinte:
Finalista ou Recém-Licenciado em Tradução Inglês/ Português ou Línguas e Literaturas Modernas;
Excelentes conhecimentos de Inglês;
Experiência de tradução de documentos na área da gestão (preferencial);
Sólidos conhecimentos de Microsoft Word.

As candidaturas directas dos alunos deverão ser enviadas até ao dia 28 de Abril para o seguinte e-mail: cv.vendas@intl.pepsico.com



Susana Colaço
Recursos Humanos - Vendas
MATUDIS
Linda-a-Velha
Telm: 91 279 6967
Tel: 21 414 7124
susana.colaco@intl.pepsico.com

quinta-feira, abril 20, 2006

Procuram-se Tradutores de todas as línguas

Somos uma nova agência de tradução e necessitamos de criar uma base de dados
de tradutores. Actualmente estamos em fase de selecção de tradutores para
todos os pares de línguas, especialmente nativos de português (Europeu e
Brasileiro), Espanhol, Inglês, Francês, Italiano e Alemão.

Por favor enviem o vosso CV com preços praticados* para
jofrepublishing@gmail.com.

*Os melhores preços serão decisivos para a selecção.

quarta-feira, abril 19, 2006

Curso de Especialização em Interpretação de Conferência

Quando?
6 de Março de 2006 a 28 de Abril de 2006

Onde?
Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa

Sobre o curso

A Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa organiza um curso de especialização em Interpretação de Conferência, que decorrerá novamente no ano lectivo 2006-07. O Intérprete de Conferência desempenha um papel importante no contexto da globalização da economia e na intensificação das relações internacionais, actuando como agente de comunicação entre pessoas de línguas e culturas diferentes. Na União Europeia de 25 estados-membros é essencial que todos os representantes dos mesmos se possam exprimir na sua língua materna, em igualdade de condições, e que as suas ideias e opiniões sejam transmitidas com rigor e elegância a todos os seus congéneres. Para alcançar este objectivo importa dispor de intérpretes altamente qualificados que possam assegurar, sempre que possível, a transposição directa para a língua de chegada, sem ter que passar por uma língua terceira (o chamado multilinguismo em rede.)

Fase de Candidaturas

De 6 de Março a 28 de Abril de 2006

Informação detalhada sobre o cursoInformações: Professor Garry Mullender
Endereço Electrónico :
gmullender@fl.ul.pt

quinta-feira, abril 13, 2006

Estágio - Tradutor de Inglês

Perfil: Jovém recém-licenciado LLM, variante de Estudos Ingleses ; Conhecimentos de Espanhol
Condições: Local de Estágio :Publindústria, Porto
Duração do estágio: 3 meses + 9 meses ( a iniciar logo que possível)
Remunerações: 3 meses = subsídios de alimentação e transporte ; 9 meses = 2 salários mínimos nacionais

Candidaturas:

Enviar Curriculum Vitae actualizado para o seguinte e-mail: a.malheiro@publindústria.pt

terça-feira, abril 11, 2006

A tradução na Universidade Aberta - Curso de Verão

COORDENADOR DO CURSO
Professor Doutor Carlos Castilho Pais

OBJECTIVOS
a) analisar e descrever problemas e perspectivas da tradução referentes às temáticas do curso;
b) transmitir informação actualizada sobre as novas tecnologias aplicadas à tradução;
c) confrontar conhecimentos teóricos com a prática da tradução.

DATA DE INSCRIÇÃO
A inscrição decorre de até 31 de Maio de 2006.

Programa:
19 a 30 de Junho de 2006

- Teoria da Prática da Tradução Actual
Carlos Castilho Pais , Dámaso López Garcia
19 de Junho - 9:00-13:00 / 15:00-17:00
20 de Junho - 9:00-13:00
-Aspectos Teóricos da Tradução Jurídica
Rosario Martin Ruano
22 de Junho - 9:00-13:00 / 15:00-17:00
23 de Junho - 9:00-13:00
- A Tradução de Audio-visuais
José Maria Bravo
26 de Junho - 9:00-13:00 / 15:00-17:00
27 de Junho - 9:00-13:00
- Tecnologias de Informação e Comunicação para a Prática da Tradução
José Coelho , Vitor Cardoso , Vitor Rocio
29 de Junho - 9:00-13:00 / 15:00-17:00
30 de Junho - 9:00-13:00

PREÇÁRIO
160 Euros.

INFORMAÇÕES
Telefone: 21 391 64 40
castilho@univ-ab.pt

Didáctica de la traducción y traducción pedagógica

No âmbito do Programa de Formação de Professores de Espanhol, o Instituto Cervantes em Portugal promove uma sessão de formação de tradutores com a Prof.ª Doutora Amparo Hurtado Albir.

27 de Abril - Faculdade de Letras da Universidade do Porto
28 de Abril - Sala de Actos do Instituto Cervantes de Lisboa


Se abordarán los siguientes temas:
1. Definición y clasificación de la traducción
2. La didáctica de la traducción: evolución y aportaciones actuales; el enfoque por tareas de traducción
3. La traducción pedagógica: definición; aportaciones; modalidades; objetivos; metodología; evaluación


Profª. Dra. Amparo Hurtado Albir
Catedrática del Departamento de Traducción e Interpretación de la Universitat Autònoma de Barcelona (UAB). Doctora en Traductología de la
Universidad de París III. Ha dirigido proyectos de investigación en la Universitat Jaume I de Castellón y en la UAB. Autora de más de 50
publicaciones sobre Teoría y Didáctica de la traducción, entre ellas: “Enseñar a traducir. Metodología en la formación de traductores e intérpretes” y
“Traducción y Traductología. Introducción a la Traductología”

segunda-feira, abril 10, 2006

Procura-se Tradutor Inglês e Francês-Português

Perfil do candidato:
Tradutor de francês e de Inglês para Português

Contacto e nº de referência:
Resposta ao Jornal Expresso ao n.º 777 D/06

Morada: Jornal Expresso
Av. Sidónio Pais nº4 A
1066-500 Lisboa

Observações:
Textos de Engenharia, com particular incidência no ramo automóvel.
Grande volume de trabalho. Local: Zona Oriental de Lisboa

Mais informações :

ExpressoEmprego

Os primeiros passos

"De uma forma geral, os tradutores podem trabalhar para editoras, centros de documentação, gabinetes de tradução, empresas ligadas à actividade turística e ao comércio internacional e organismos estatais. Normalmente, a actividade destes profissionais é exercida individualmente e em regime liberal (como trabalhadores independentes). Existem tradutores (...) que optam por trabalhar em conjunto e criam empresas ou gabinetes, com vista a prestar serviços às organizações que necessitam de trabalhos de tradução. Nos últimos anos, estes gabinetes têm tido uma procura crescente devido ao aparecimento das televisões privadas que necessitam de especialistas para a legendagem de filmes, programas e espectáculos estrangeiros. Mais recentemente, a televisão por cabo - com programas legendados em português - veio também criar mais hipóteses de trabalho. Em Portugal, os serviços dos intérpretes de conferência que trabalham como profissionais liberais são procurados por instituições públicas e entidades privadas que organizam conferências internacionais no país e no estrangeiro (empresas, ministérios, organizações e associações patronais, sindicais e profissionais, etc.). (...)
No nosso país, o acesso às actividades de tradução e de interpretação não está por enquanto regulamentado, pelo que nada impede que pessoas sem a qualificação apropriada exerçam estas actividades. De facto, quem necessita de serviços de tradução e de interpretação opta, por vezes, por contratar pessoas que, apesar de saberem falar ou escrever na língua materna e em línguas estrangeiras, não são competentes para assegurar o elevado nível de qualidade e rigor destes serviços, pois não detêm as capacidades intelectuais, nem os conhecimentos técnicos e linguísticos que são exigidos. Apesar do mercado de trabalho dos tradutores e dos intérpretes especializados não estar saturado – em termos de combinações linguísticas e da procura de serviços de qualidade (...)
A escolha das línguas de trabalho deve ser muito bem pensada e feita de acordo com as necessidades do mercado de trabalho e com o trajecto profissional que se pretende percorrer. Um primeiro factor a ter em conta é que as oportunidades de trabalho são tanto maiores quanto maior o número de línguas com as quais se trabalha: quem domine mais do que uma língua estrangeira pode, à partida, aceitar mais trabalhos do que aquele que só conhece apenas uma língua estrangeira. Por outro lado, deve-se procurar obter uma combinação linguística menos vulgar. Na área da tradução, o mercado de trabalho está sobretudo saturado de profissionais que dominam somente o inglês e/ou o francês, pelo que é aconselhável saber trabalhar com outras línguas. Na área da interpretação, e apesar de alguma saturação, esta combinação linguística continua a ser a mais procurada. Contudo, é conveniente - embora não seja indispensável - poder trabalhar com duas línguas activas (línguas para as quais se interpreta) e dominar pelo menos mais uma terceira, passiva. (...)

Tendo em conta que são chamados a trabalhar sobre os mais diversos temas, é fundamental que tanto os tradutores como os intérpretes desenvolvam, além das suas competências linguísticas, a sua cultura geral. Os textos que traduzem ou os discursos que interpretam podem ser dedicados a áreas tão diversas como economia, agricultura, direito, engenharia, informática ou medicina e é importante que estes profissionais estejam familiarizados com a terminologia utilizada no âmbito dessas matérias, de forma a compreenderem com facilidade o que é dito ou escrito e a preservarem o seu sentido. (...)
Deste modo, quem inicia uma carreira de tradutor e/ou de intérprete deverá contar com um mercado de trabalho exigente e cujo acesso não é garantido pelo mero conhecimento de línguas estrangeiras. Deverá adquirir, por isso, técnicas especializadas em tradução e/ou interpretação e é essencial que invista em conhecimentos técnicos e conhecimentos gerais, através, por exemplo, de estágios curriculares e profissionais no país e no estrangeiro e de um esforço constante na investigação e na auto-formação."

Para ler o artigo na versão integral: http://www.dgct.msst.gov.pt/profissoes2005/tradutor.htm

sábado, abril 08, 2006

Procura-se Tradutor Espanhol-Português

La empresa Euroquality (http://www.euroquality.es) está buscando a un traductor de portugués para incorporación inmediata en las oficinas de Madrid. Tendría que traducir documentos de español a portugués y atender las llamadas provenientes de Portugal.
Las personas interesadas pueden llamar al (34) 902 026 430 o al (34 91) 564 0219 y preguntar por Óscar Corrales
.

Curso de Editor de HTML - Frontpage e Dreamweaver

CONSTRUÇÃO DE PÁGINAS WWW - Pavilhão do Conhecimento

Módulo I - Usando o Frontpage
Horário: Por marcação
Duração: 1 hora
Preço: 3 Euros (Sócios: 2,5 Euros)

- Conceito de Página Web
- Toolbars mais comuns
- Redacção do texto
- Formatação do texto
- Inserção de Hiperlinks
- Inserção de vários componentes Web


Módulo II - Usando o Macromedia Dreamweaver MX
Horário: Sábados (4 sessões), das 11h00 às 16h00, com intervalo de 1 hora para o almoço
Duração: 16 horas
Preço: 20 Euros (sócios 15 Euros)

1ª Sessão

- Gestão de conteúdos
- HTML (Introdução à linguagem HTML, utilização das principais TAGS, construção de uma página recorrendo apenas a um editor de texto)
- Dreamweaver (Principais características e funcionamento do programa, principais ferramentas e componentes, criação de um site)

2ª Sessão

- Dreamweaver (propriedades da página, links, imagens, tabelas)
- Photoshop (conceitos básicos e tratamento de imagem para páginas web)

3ª Sessão

- Dreamweaver (layers, frames, Behaviors, “Dreamweaver Plus”)

4ª Sessão

- Arquitectura de Informação
- Projecto final (aplicação dos conhecimentos adquiridos num projecto previamente concebido, publicação da página, atribuição de certificado)

Para mais informações e marcações:
Pavilhão do Conhecimento - Ciência Viva
Tel. 218 917 139
mediateca@pavconhecimento.pt

sexta-feira, abril 07, 2006

Glossário da Sociedade de Informação

Foi lançado recentemente o Glossário da Sociedade de Informação - Coordenado pelo Dr. José Palma Fernandes

AIT - Associação de Informação Terminológica

"O vocabulário associado à sociedade da informação tem sido considerado por alguns sectores uma forma de exclusão e uma barreira ao acesso às oportunidades tecnológicas. Nem sempre é fácil encontrar equivalentes na língua portuguesa para os inúmeros conceitos que vêm sendo criados no âmbito da sociedade da informação. Procuram-se muitas vezes neologismos e adaptações apressadas das línguas originais. Pretende-se com este estudo sistematizar e divulgar a terminologia mais correcta, que ao longo dos últimos anos se considerou mais apropriada para representar a sociedade da informação."

Para mais informações e para descarregar o Glossário da Sociedade de Informação de forma gratuita : http://www.ait.pt/index2.htm?http://www.ait.pt/noticias/gerais/coloquio.htm

Primeira Escola de Verão da Linguateca

Organizada pela Linguateca (principalmente o seu pólo do Porto) e tendo como anfitrião o Centro de Linguística da Universidade do Porto

Área: Processamento computacional da língua portuguesa (escrita)
Local: Universidade do Porto
Data: 10 a 14 de Julho de 2006

Público alvo:

  • alunos de doutoramento e mestrado nas áreas de processamento de linguagem natural, linguística computacional, linguística com corpora, recolha, extracção e gestão de informação, terminologia, lexicografia, tradução, inteligência artificial, ...;
  • investigadores em empresas e no mundo académico que trabalhem ou tencionem vir a trabalhar em processamento computacional da língua portuguesa;
  • todos os interessados nestas áreas que queiram apostar numa formação mais interdisciplinar.

Inscrição

Valor
Estudante de Mestrado ou Doutoramento: 150 €
Outros: 250€
Nota: Os valores referidos não contemplam despesas de refeição e alojamento

Prazos
Até 29 de Abril para a pré-inscrição
Até 15 de Maio para a resposta da organização à pré-inscrição
Até 31 de Maio para a inscrição efectiva, caso seja aceite a pré-inscrição

Organização

Corpo docente
Ana Frankenberg-Garcia, ISLA
Belinda Maia, Universidade do Porto
Diana Santos, SINTEF
Eckhard Bick, University of Southern Denmark
Elisabete Ranchhod, Universidade de Lisboa
José João Dias de Almeida, Universidade do Minho
Lúcia Rino, Universidade Federal de São Carlos
Mário J. Silva, Universidade de Lisboa
Rachel Aires, Universidade de Goiânia, a confirmar presença

Monitores (doutorandos)
Alberto Simões, Universidade do Minho
Anabela Barreiro, Universidade do Porto
Cristina Mota, Instituto Superior Técnico
Luís Sarmento, Universidade do Porto
Marcirio Chaves, Universidade de Lisboa
Nuno Seco, Universidade de Coimbra
Susana Afonso, Universidade de Manchester

Organização local
Belinda Maia (responsável), Universidade do Porto
Ana Sofia Pinto, pólo do Porto da Linguateca
António Silva, pólo do Porto da Linguateca

Programa

Abertura: Questões actuais no processamento computacional da língua portuguesa
Diana Santos
Uma panorâmica do que existe e do esforço que há em PLN em Portugal e no Brasil, juntamente com uma tentativa de previsão de quais os assuntos mais importantes a resolver na próxima década.

Módulo 1: Tradução automática: a tecnologia e a sua aplicação
Belinda Maia e Diana Santos/José João Almeida
Problemas associados à tradução do ponto de vista linguístico e cultural. Técnicas e Métodos de TA. A aplicação da TA no dia-a-dia. Avaliação de TA

Módulo 2: Análise sintáctica computacional: problemas e métodos
Eckhard Bick e Elisabete Ranchhod
A análise sintáctica do português, questões linguísticas e dificuldades. Sistemas automáticos de análise sintáctica para o português. Extracção de padrões sintácticos de corpora. A questão das expressões multi-palavras e a sua importância no processamento das línguas. Aplicação em sistemas de resposta automática a perguntas (RAP) e outras tarefas.

Módulo 3: Desenho, construção e utilização de corpora (e sua aplicação em ensino e extracção de conhecimento)
Ana Frankenberg-Garcia, Belinda Maia, Diana Santos e José João Almeida
A teoria e as técnicas de construção de corpora. Ferramentas e métodos de pesquisa. O uso de corpora no ensino e na construção de recursos de conhecimento.

Módulo 4: Terminologia, tesauros e ontologias (e a sua aplicação em tradução, recolha e extracção de informação)
Belinda Maia e Mário J. Silva
Questões associadas à Terminologia. Dificuldades e desafios. Os tesauros e ontologias, sua construção e utilização, em aplicações de recolha e extracção de informação. A Web semântica e os motores de busca actuais.

Módulo 5: Entrando em linha de conta com os utilizadores
Ana Frankenberg-Garcia e Rachel Aires/Diana Santos
Estudo de utilizadores e adaptação de sistemas às necessidades de utilizadores, no contexto de aplicações de linguagem natural ou linguística. Desenho de interfaces, estudo de diários (logs), casos concretos de desajuste entre a funcionalidade e o funcionamento.

Avaliação
Diana Santos e Lúcia Rino
Questões principais; métodos e resultados. O paradigma da avaliação conjunta. Casos concretos, relacionados com os módulos da escola. Avaliação de sumarização em português, de recolha de informação, de análise sintáctica e morfológica.

Mais informações em: http://www.linguateca.pt/EscolaVerao2006/

quarta-feira, abril 05, 2006

III Colóquio Internacional de Tradução

Tradução e Interdisciplinariedade
5, 6 e 7 de Junho - Universidade Lusófona

Programa:

5 de Junho
Tradução e Política
Tradução e Religião


6 de Junho
Tradução e História
Tradução e Psicanálise


7 de Junho
Tradução e Literatura


Local :
Auditório Agostinho da Silva | 5, 6 e 7 de Junho | 18:00 - 21:30 hora

Contactos e Informações:
Secretariado Direcções de Cursos
Campo Grande, 376 1749-024 Lisboa

Tel: 21 751 5531
Fax: 21 751 512
E-mail:sec.coord@ulusofona.pt

segunda-feira, abril 03, 2006

Curso de Trados no ISLA - 20 de Maio a 3 de Junho

(20.05.06 a 03.06.06, Sábados, das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00) 21 horas

Formador:
Inês Torres
– Licenciada em Tradução Inglês/Alemão (ISLA-Lisboa); Pós-graduada em Tradução Jurídica e Económica Inglês/Alemão (ISLA-Lisboa); Curso de Trados em Londres (Trados GmbH); Tradutora free-lance; Docente do ISLA-Lisboa.

Conteúdo:

Translator’s Workbench

Win Align

Multiterm

Projects and Filter Settings (Translator’s Workbench)

Tag Editor (Excel e PowerPoint)

Preçário:
€ 350,00 por pessoa -
Alunos ou Diplomados ISLA; Sócios/Associados de entidades protocoladas e respectivos familiares directos.

€ 420,00 por pessoa - Outros.
As empresas que inscrevam mais do que uma pessoa terão uma redução de 5% a partir da 2ª inscrição.

Nota: os formandos inscritos neste curso terão condições preferenciais na aquisição do software.


Vagas:

Mínimo – 6 formandos

Máximo – 14 formandos


Contacto:

Maria João Borges

Quinta do Bom Nome, Estrada da Correia, 53 - 1500-210 Lisboa
maria.borges@lx.isla.pt

Tel: 210309905/00; Fax: 210309917


Contrapor2006 - 1ª Conferência de Tradução Portuguesa

Contrapor2006

1.ª Conferência de Tradução Portuguesa

A tradução sustenta a evolução e o progresso dos países, sendo uma protagonista cada vez mais influente no nosso mundo. Chamada a contrapor a comunicação humana nas suas mais diversas formas, há muito que se afirmou como uma prática e um saber que se cruzam com todos os ramos do conhecimento e da experiência profissional. Estas características evidenciam-se sobretudo na tradução especializada. A conferência contrapor2006, iniciativa da ATeLP – Associação de Tradução em Língua Portuguesa, nasceu para dar corpo a estes conceitos na língua portuguesa.

A primeira Conferência de Tradução Portuguesa, contrapor 2006, irá reunir estudiosos, tradutores e compradores de tradução em língua portuguesa para abordar o tema genérico da:

Tradução Especializada:

Um Motor de Desenvolvimento

A contrapor2006 irá realizar-se em Lisboa, nos dias 11 e 12 de Setembro de 2006.

Os Tópicos do Programa:

· Teoria e Prática da Tradução

· Ciências e Tecnologias

· Ciências Sociais e Humanas

· Terminologia e Comunicação

· Ferramentas de Tradução

· Normalização na Indústriadas Línguas

· Localização e Internacionalização

· Deontologia em Tradução.

Datas importantes:

15 MAI Data limite para o envio de resumos

05 JUN Notificação de aceitação / rejeição de resumos

17 JUL Envio dos artigos finais / Data limite de pagamento

11 – 12 SET contrapor2006

Preços de Inscrição:

Inscrição e Pagamento antes de 17 Julho :

  • Sócios da Atepl e Conferencistas: 80 euros
  • Sócios de Associações filiadas na FLIP: 100 euros
  • Restantes Participantes: 120 euros
  • Estudantes: 40 euros
Inscrição no local:
  • Sócios da Atepl e Conferencistas: 120 euros
  • Sócios de Associações filiadas na FLIP: 140 euros
  • Restantes Participantes: 160 euros
  • Estudantes: 40 euros

Organização:

ATeLP – Associação de Tradução em Língua Portuguesa;
DCSA – Departamento de Ciências Sociais Aplicadas (FCT –UNL)

Para mais informações, consultar:
http://www.atelp.org/conferencia.htm

domingo, abril 02, 2006

Revisor de Texto


Descrição da função:

Revisão, sem supervisão, de textos, em português e inglês, produzidos pelos diversos colaboradores da empresa.
Alto nível de exigência.

Perfil do candidato:
Licenciatura em Línguas, Comunicação Social ou Jornalismo;
Perfeito domínio das línguas portuguesa e inglesa;
Valoriza-se o conhecimento de outras línguas;
Capacidade de redacção, produção de conteúdos e serviços de tradução;
Bons conhecimentos de informática na óptica do utilizador;
Sentido de responsabilidade;
Competência e autonomia.

Oferta:
Integração em empresa pioneira no seu sector de actividade e um nível salarial de acordo com a performance.

Contacto e nº de referência:
Resposta com carta de apresentação e curriculum detalhado.

Observações:
Mais Informações: www.alert-online.com
Local de exercício de funções: Porto

Responder:
MINI - Médicos Na Internet, Saúde na Internet, S.A.

Rua António Bessa Leite, 1430 - 2.º
4150-074 Porto.
Portugal